É com grande prazer que anunciamos a criação da Sociedade Brasileira de Bioacústica, SBBa. A Bioacústica é uma área do conhecimento ainda pouco divulgada que estuda os sons produzidos pelos animais e que se estabeleceu como uma ciência multidisciplinar nos últimos anos, com conexões com a Zoologia, Neurociências, Etologia, Ecologia, Ciências exatas e as Ciências humanas. Após um entendimento entre os profissionais desta área, resolvemos realizar o primeiro Congresso Brasileiro de Bioacústica.

A Dr.ª Marina Duarte gentilmente manifestou o oferecimento do auditório do Museu de Ciências Naturais da PUC Minas com a anuência do professor Bonifácio José Teixeira. Quero expressar neste documento meus sinceros agradecimentos em nome desta sociedade que nasce com esta valiosa contribuição para concretizar o estabelecimento da Bioacústica no Brasil.

Assim, o primeiro Congresso Brasileiro de Bioacústica será realizado no período de 20 a 22 de julho de 2020 no Museu de Ciências Naturais da PUC Minas, localizado em Belo Horizonte, na região sudeste do país, onde acreditamos ser acessível para maioria dos pesquisadores da Bioacústica.

Sobre a Bioacústica

A comunicação é essencial à vida animal para desempenhar funções biológicas, como a reprodução, obtenção de alimento, proteção e informações sobre status social. Dentre as modalidades de comunicação, como a visual e química, a comunicação sonora é encontrada nos mais diversos grupos de animais e fornece informações sobre a espécie e seu estado fisiológico.

Bioacústica é o estudo da produção, transmissão e recepção de sons de animais. Nas últimas décadas, os métodos de gravação acústica se destacaram como uma ferramenta confiável, fácil de implantar e de baixo custo para detectar animais e monitorar ambientes.

Os encontros de bioacústicos tiveram suas origens em iniciativas anteriores os quais estabeleceram as bases da bioacústica. Em 1969 houve o primeiro encontro científico da Bioacústica em Århus na Dinamarca e desde então há reuniões internacionais de Bioacústica a cada dois anos. A comunidade de pesquisadores que trabalha com Bioacústica cresceu muito desde a popularização de softwares de análise de som e da diminuição dos custos para aquisição de gravadores leves e eficientes.

Após alguns anos de conversas anunciamos a criação da Sociedade Brasileira de Bioacústica, SBBa, que começa a se definir com a realização do primeiro Congresso Brasileiro de Bioacústica, que deve ocorrer entre os dias 20 e 22 de julho de 2020 no auditório do Museu de Ciências Naturais da PUC MINAS. Em breve pretendemos divulgar as atividades programadas e as datas previstas para envio de resumos, entre outras informações pertinentes.

Atualmente, estamos cuidando de detalhes burocráticos para a efetivação desta demanda de pesquisadores provenientes das mais diversas áreas do conhecimento, como a Zoologia nos mais diversos taxa, Neurociências, Etologia, Ecologia, Ciências exatas e as Ciências humanas.

 

Maria Luísa da Silva – Presidente da Sociedade Brasileira de Bioacústica